Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2016

SÍMBOLOS DO SOL E DO OURO NA ALQUIMIA E ASTROLOGIA

Imagem
Por Tereza Kawall Do ponto de vista dos alquimistas, o ouro físico e o ouro psíquico eram a mesma coisa e eles não estavam interessados no “ouro vulgar”, mas sim, no “ouro filosófico”. As diferentes fases do processo alquímico tinham uma relação direta com as posições planetárias, uma vez que as duas formas de conhecimento estava baseadas naquilo que hoje entendemos como o “ princípio das correspondências” e do “ tempo qualitativo”. Os metais transformados tinham a mesma substância ou o mesmo principio vibratório e energético dos planetas, e havia o tempo certo para as coisas acontecerem. O Sol astrológico é o símbolo maior da identidade pessoal, da essência criativa que se manifesta na vontade humana, o esforço do homem em tornar-se o que é, e encontrar um propósito para a vida. O pressuposto alquímico é que o Sol, simbolizado pelo ouro, é a própria imagem de Deus, assim como o coração é a imagem do sol no homem. O ouro é o símbolo solar por excelência, a revelação do plano

OS QUATRO TIPOS PSICOLÓGICOS DE JUNG

Imagem
OS QUATRO TIPOS PSICOLÓGICOS (2) “ Quando JUNG publicou “ Tipos psicológicos”, em 1921, Freud foi um dos primeiro s ler – e rejeitá-lo como “ a obra de um esnobe e místico, nenhuma idéia nova(...) Não há grande dano a se esperar desse lado”. O livro é, com Freud também notou, “ enorme, com 700 páginas”. A principal objeção que ele levantou era que JUNG ainda estava insistindo, como fizera desde a publicação de “Símbolos da Transformação”, em 1913, que não poderia haver “ verdade objetiva” na psicologia, por causa das “ diferenças pessoais na constituição do observador”, ou, como JUNG agora a definia, na “ tipologia”. Jung escrevera Tipos Psicológicos pensando na primazia do sexo, para Freud, e do poder, para Adler, e expressou com avidez suas diferenças em relação a ambos. Num sentido muito real, a gênese do livro ocorreu em torno de 1913, quando Jung se separou da ortodoxia freudiana; é razoável dizer que a obra inteira, até a publicação de 1921, pode ser lida como obser

OS TIPOS PSICOLÓGICOS (1)

Imagem
OS QUATRO TIPOS PSICOLÓGICOS Por Tereza Kawall O livro “ Tipos psicológicos” foi lançado no ano de 1921. No prólogo encontramos as palavras do próprio Jung: “ Este livro é fruto de quase vinte anos de trabalho no campo de psicologia prática. Foi surgindo aos poucos no plano mental: às vezes,das inúmeras impressões e experiências que obtive na práxis psiquiátrica e no tratamento de doenças nervosas; outras vezes, do relacionamento com pessoas e de todas as classes sociais; de discussões pessoais com amigos e inimigos, e, finalmente, da crítica às minhas próprias idiossincrasias psicológicas”. Segundo Jung, “toda maneira de ver é relativa e todo julgamento de um homem é limitado de antemão pelo seu tipo de personalidade”. Na visão da psicologia analítica, a psique tem alguns modos básicos de funcionamento. Os conceitos junguianos de extroversão e introversão baseiam-se no movimento da libido em relação ao objeto. Por libido entenda-se que estamos falando da energia psíqui