Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2017

SONHAR É PRECISO

Imagem
Por Tereza Kawall Os sonhos são manifestações de nossa alma, e sua natureza misteriosa e desconcertante é observada em todas as culturas, há milênios. O sonho se parece com um filme estranho ou desconexo e a sua matéria prima são as imagens e os símbolos. É muito importante que não haja pressa em “ acertar” a interpretação do sonhos, pois suas mensagens nãos são óbvias, lineares e muito menos racionais. Você pode receber, acolher e refletir sobre as imagens do seus sonho, dialogar internamente com elas. O simples ato de contar um sonho para alguém já é terapêutico. Os sonhos trazem informações preciosas sobre o nosso psiquismo, e podem desencadear em nós uma nova forma de ver e entender algo relevante em nossas vidas. Essa nova visão, em si mesma, já implica em uma transformação. Ou seja, “transformar a ação” que por algum motivo naquele momento já não está mais funcionando, ou  a mudança de uma situação aparentemente sem saída. Dito de outra maneira, o símbolo quando p

CURSO PSICOLOGIA JUNGUIANA ONLINE

Imagem
Neste curso introdutório você poderá conhecer alguns dos principais conceitos  da Psicologia Analítica de Carl G. Jung. A apresentação é feita em power point, com belas imagens e de forma bastante didática.  Acompanha uma apostila com ampla bibliografia para auxiliar  os seus estudos. Você poderá fazer o curso nas horas de seu interesse, no conforto de sua casa. Para conhecer melhor o conteúdo programático acesse: www.escoladetransformacao.com.br/curso/psicologia-junguiana Tereza Kawall

A ESPERANÇA VIVE

Imagem
                                                                             Pandora carregada por Hermes Por Tereza Kawall Querendo ou não, somos diariamente atropelados por algumas palavras ou expressões que teimam em ocupar a nossa mente: polarização, sustentabilidade, planetário, corrupção, violência, implosão, empatia, gênero, corrupção, complexidade, intolerância, erosão de valores, democracia, transparência....  Pergunto-me: como seria fazer um bolo com todos esses ingredientes? O que adicionar primeiro, sal ou açúcar? Quanto tempo ficaria ele no forno, e em qual temperatura? Deveria cobri-lo com frutas, uma calda? Porem ao ficar pronto seria provavelmente seco e indigesto e certamente não tiraria a fome crescente que temos, dia após dia, de um pouco mais de paz, segurança, coerência e perspectiva de futuro.  As notícias vêm e vão, as conquistas já feitas pelo bem comum ora avançam, ora retrocedem, segundo a ótica de cada um. A tal da verdade mais se parece c