ÁRVORES SÃO SANTUÁRIOS


                                                                 

 HERMANN HESSE

As árvores são santuários. Quem pode falar com elas, quem sabe ouvir, aprende a verdade. Elas não pregam doutrinas e receitas, pregam, indiferentes ao pormenor, a lei primitiva da vida.
Uma árvore diz: se em mim se esconde um núcleo, uma faísca, um pensamento, eu sou vida na Vida eterna. É única a tentativa, a criação, que ousou em mim a Mãe eterna. Única é a minha forma e as veias da minha pele, único é o jogo mais insignificante das folhas de minha copa e a menor cicatriz da minha crosta. Minha missão é moldar e apresentar o eterno em minhas marcas exclusivas.

Uma árvore diz: a minha força é confiança. 
Não sei nada sobre os meus pais, eu não sei nada sobre os milhares de filhos vindos de mim, todos os anos. Vivo, até o final, o segredo de minha semente, não tenho outra preocupação. Confio que Deus está em mim. Confio que minha tarefa é sagrada. E eu vivo em confiança.

Quando estamos tristes e quase não podemos suportar a vida, uma árvore pode falar conosco também: fique quieto! Fique tranquilo! Olhe para mim! A vida não é fácil, a vida não é difícil. Estes são pensamentos infantis. Deixe Deus falar dentro de ti e, em seguida, eles emudecerão. Você está triste porque no seu caminho você separou-se da mãe e da pátria. Mas a cada passo e cada dia você está mais perto da mãe. Pátria não é aqui nem lá. Pátria é dentro de si mesmo, ou em nenhuma parte.

Isto sussurra a árvore ao entardecer, quando estamos com medo dos nossos pensamentos infantis. As árvores têm pensamentos ampliados, prolixos e serenos, bem como uma vida mais longa do que a nossa. Elas são mais sábias do que nós, embora nós não as ouvimos.
Mas quando aprendemos a ouvir as árvores, logo, a velocidade e a infantilidade dos nossos pensamentos tomam uma alegria sem precedentes. Quem aprendeu a ouvir as árvores, já não quer ser uma árvore. Não quer ser mais do que o que é. Esta é a pátria. Isto é a felicidade. 

Árvore em Oaxaca, México, 14 mt de diâmetro.

0 comentários: