VÊNUS E SEUS SÍMBOLOS



Nascimento de Afrodite, de Boticelli.

Texto de Tereza Kawall

Na antiga Grécia, Vênus ( Afrodite) tornou-se conhecida não apenas por sua rara beleza e sensualidade, mas também por suas explosões de ódio e terríveis vinganças contra aqueles que ousavam desafiá-la.


No seu aspecto de Grande Mãe, Vênus é diferente das outras: ela recebe todas as sementes mas não quer saber a identidade do semeador. Ela é a deusa do amor no sentido mais amplo da palavra. Vênus tinha também, como as deusas lunares, o poder de fertilizar a terra. E a chuva da primavera era o elemento fecundante enviado à terra por essas deusas do Olimpo.

Vênus freqüentemente é representada entre animais ferozes, que evocam o seu lado cruel e instintivo. É o símbolo da força irrefreável da fecundidade e do desejo, ou a atração sexual entre todos os seres da natureza. Assim, era adorada em templos cujas sacerdotisas ficaram conhecidas como hieródulas, ou prostitutas sagradas. Vênus e a deusa lunar Diana ( Ártemis) são todas imagens do amor sexual a encorajar as mulheres a se multiplicarem. Promovendo alegrias ou sofrimentos, representavam, na consciência popular, o poder reprodutor da natureza e a preservação das espécies.

O arquétipo de Vênus surge em todas as mitologias como uma figura detentora dos mais belos atrativos. Como imagem da eterna feminilidade, representa desde sempre o tipo perfeito da beleza feminina.

São seus símbolos: a rosa, o lírio, a papoula, a maçã, a concha, a pomba, o delfim, o espelho, a tartaruga. É ela quem faz, através de seu amor, a alegria e a cor da primavera, a renovação da vegetação e da vida, o embriagamento dos sentidos. A sensualidade, a atração física, a simpatia, a sedução, a busca do prazer e da comunhão afetiva são representadas por ela.

Em outras personificações Vênus aparece sob diversas denominações: Afrodite Pandêmis, deusa do amor sensual e vulgar, Afrodite Urania, símbolo do amor puro e etéreo, e Vênus Genitrix ou Vênus Mãe, protetora dos matrimônios e de todos os romanos.

Os significados de Vênus

O planeta Vênus expressa o impulso para a vida amorosa e social, a nossa capacidade de relacionamento, a necessidade de ser desejado e amado, de compartilhar emoções.

Representa:

O amor, o romance, a relação com o outro, a atração, a sensualidade, a beleza, a simpatia. A harmonia, o equilíbrio, a justiça. A força de atração, a graça, a sedução, a cooperação, o ritmo e a diplomacia. A beleza, a estética, o conforto, o prazer, as artes em geral. O tato, os gostos, a cortesia, a amabilidade, os valores sociais das relações.

Personifica:

A vida social, os encontros, as relações com pessoas do sexo feminino. Os artistas, o entretenimento, o lazer, os adornos, os enfeites.

Os pacifistas, os românticos, os diplomatas, o políticos.

Veja mais em:
Os planetas interiores: elementos estruturais da realidade pessoal
Liz Greene e Howard Sasportas
Editora Roca.

0 comentários: